O que levar em consideração na compra de uma Smart TV?

A prática de ligar por cabo um computador para reproduzir filmes online nas TVs de ecrãs grande mudou a maneira como assistimos televisão. Em seguida surgiram os dispositivos que permitiam reproduzir o conteúdo da internet sem a necessidade de cabos.

Na sequência, surgiram os primeiros modelos de televisões inteligentes, também conhecidos como Smart TVs, que eliminaram a necessidade de qualquer equipamento intermediário para a conexão e oferecerem mais funcionalidades de entretenimento.

Mas  sabe escolher o modelo de Smart TV ideal para si? Deixamos umas dicas sobre quais caraterísticas que devem ser levadas em consideração na hora de escolher uma Smart TV.

Tamanho da tela

A resolução da imagem versus o tamanho da tela, deixa muita gente confusa sobre esses dois conceitos. Vamos entender melhor o que cada um deles significa.

O tamanho da tela corresponde às dimensões medidas em polegadas (pode ser calculado em centímetros). É possível encontrar modelos com telas que vão de 39 polegadas e até as TVs que passam de 120 polegadas.

Isso significa que é possível, por exemplo encontrar uma Smart TV com resolução 4K em telas de diferentes resoluções.

Resolução da tela

Já a resolução da tela determina a qualidade em que a imagem será apresentada e ela independente do tamanho do ecrã. Por exemplo é possível ter um smartphone com ecrã em 4K e nem por isso a tela do aparelho precisa ser enorme.

No mercado português atual de Smart TVs, quando o assunto é resolução de imagem o termo “4K” é destacado como se fosse a melhor opção para todos os cenários.

É correto afirmar que a qualidade da imagem é bem maior, pois ela conta com 3840 x 2160 pixels, ou seja, é superior do que a Full HD (1080p) e HD (720p), o que é uma caraterística importante principalmente em telas muito grandes, para não perder a qualidade.

Embora o 4K seja o mais popular, ele não é o único presente nas Smarts TVs.

TV Full HD

O Full HD, ou também conhecido pela sigla FHD, apresenta uma resolução de 1920 X 1080 pixels, usualmente na proporção 16:9. Essa resolução também é denominada simplesmente como 1080p.

TV UHD

UHD, ou Ultra High Definition, é uma definição análoga a resolução 4K. É correto afirmar que uma TV UHD apresenta uma resolução 4K, pois ela também oferece 3840 x 2160 pixels distribuídos por uma tela de proporção 16:9.

TV Ultra HD Premium

O Ultra HD Premium é um selo criado pelos fabricantes para homologar televisores 4K — ou UHD – comercializados pela UHD Alliance, órgão que reúne os maiores fabricantes do segmento.

Vale salientar que os 3840 x 2160 pixels de uma tela não determinam, necessariamente, sua qualidade, já que se trata unicamente de uma propriedade da resolução da imagem.

TV 8K

Enquanto a resolução 4K vem se popularizando, é possível encontrar TVs em 8K. Essa configuração também é conhecida como Full Ultra High Definition (FUHD), ela oferece 7680 x 4320 pixels em uma proporção 16:9, ou até 10080 x 4320 pixels em um painel wide 21:9.

Assim como o 1080p do Full HD e o 2160p do 4K, o 8K também pode ser definido por sua presença em TVs com Progressive Scan, com o termo 4320p.

Conectividade

Os primeiros modelos de televisores inteligentes vinham apenas com a conexão cabeada. Dependendo do modelo, era possível comprar separadamente uma adaptador para a rede Wi-Fi.

O ponto fraco desse tipo de configuração era que, para acederà internet, era preciso ter um cabo conectado na TV, o que muitas vezes fazia com que o router fosse instalado perto (as vezes atrás), comprometendo a propagação do sinal do Wi-Fi.

Atualmente, é comum que as Smart TVs tenham wifi sem fio.

Acessórios

A navegação na interface das Smart TVs nem sempre é tão intuitiva, principalmente navegar na internet e aceder as redes sociais.

É possível adquirir separadamente um miniteclado sem fio para facilitar a digitação. No entanto, é preciso verificar com o fabricante se esse tipo de dispositivo é compatível com o protocolo de comunicação da TV.

Recursos adicionais

Cada fabricante adiciona recursos individuais nos seus produtos. Já existem modelos que contam com inteligência artificial, por exemplo, principalmente nos modelos 8K, que têm um chip especial para analisar a imagem e melhorar a qualidade.

Existem ainda tecnologias adicionais aliadas à resolução da imagem, reprodução do som, armazenamento de conteúdo off-line e sincronização com smartphones.

Por esse motivo, antes de decidir por um determinado modelo de Smart TV, vale a pena avaliar modelos com tamanho de tela e qualidade de imagem similares dentro da mesma faixa de preço.

Uma recomendação importante: não basta adquirir uma smart TV 4K, ou mesmo em 8K, se a programação que será exibida não oferecer essas opções de resolução. Nesses casos, será possível assistir o conteúdo, mas com qualidade reduzida.

Deixe o seu comentário...

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *